Tokio Hotel está para lançar um livro, lança um Remix de “Love Who Loves You Back”

Tokio Hotel está para lançar um livro, lança um Remix de “Love Who Loves You Back”

Bill e Tom Kaulitz da banda de rock Alemão Tokio Hotel se [vestiram] adequadamente para estes retratos de sessão de fotos exclusiva da JustJared.com.

Tokio Hotel está atualmente promovendo seu último álbum, Kings of Suburbia, já à venda nas lojas. O vídeo de seu principal single “Love Who Loves You Back” já teve mais de cinco milhões de visualizações!

Tom e Bill vão estreiar seu “Feel It All World Tour 2015. Part 1: The Club Experience” no dia 6 de Março em Londres, Inglaterra. Em nossa entrevista exclusiva, eles falam sobre o que deve ser esperado da turnê, seus planos sobre escrever um livro, e suas paixonites por celebridades. Clique dentro para a entrevista completa!

Abaixo está a estréia mundial exclusiva do novo remix Tokio Hotel Vs Pionear “Love Who Loves You Back”. Veja!

Entrevista com Tokio Hotel – Exclusividade da JustJared.com

Just Jared: A vida noturna de LA inspirou seu novo álbum, Kings of Suburbia. Há lugares específicos em LA que vocês amam e vão normalmente?

Bill Kaulitz: Eu sinto como se temos fases, nós vamos em algum lugar muito, e então não vamos mais lá. O único lugar que nós sempre vamos, como Tom, você não é muito chegado em baladas…Tom Kaulitz: Eu sou, eu apenas não sou muito chegado em dançar.Bill: Sim, mas a gente meio que gostamos de beber muito e conversar depois, e ouvir música. Soho House é um clássico que nós sempre vamos. E depois muda. Eu curtia muito o Sound por um tempo.Tom: E Hyde, uma vez por semana pelo menos.Bill: Eu amo Warwick. E baladas, não sei. Tinha aquelas festas pop up no centro da cidade, eram daoras. Nós saímos tanto, eu não lembro!

JJ: Quais são suas letras favoritas do seu single, “Love Who Loves You Back”?

Bill: “Amor que te ama de volta,” provavelmente. (risos) Porque é basicamente isto. Eu sinto como nós todos não deveríamos pensar sobre quem nós amamos, porque não podemos controlar de qualquer jeito. E eu sinto que muitas pessoas tentam isto, mas eu acho que é lindo que nós não podemos controlá-lo . Nós todos tendemos a tentar ter o controle sobre nossos corações e eu sinto que no fim, nós realmente não conseguimos. E pra mim, a canção também é sobre isso. Apenas ame quem te ama de volta, apenas curta o amor.

JJ: Vocês sente que vocês se apaixonam e desapaixonam várias vezes? Vocês conseguem amar várias pessoas ao mesmo tempo?

Bill: Quero dizer, sim. Tom amava várias garotas a cada noite quando ele era mais novo. (risos) Ele era, você era bem selvagem. Agora ele meio que se acomodou. Eu acho que isso era quando ele tinha 16, 17.

Tom: Todo mundo é assim nesta idade.Bill: Eu não.Tom: Sim, você era.Bill: Eu naõ era. Eu sinto que eu sou o oposto. Quando eu me apaixono, eu entro de cabeça. E então tenho certeza disto. Mas demora um tempo até isto acontecer. Então sim, eu não sou deste jeito, eu não sou do tipo de cara “ficada de uma noite”.

JJ: Você acha que há uma pessoa no mundo que você está destinado a ficar? Ou você acha que há várias pessoas no mundo com as quais você poderia ser feliz?

Tom: Ah sim, eu acho que há várias pessoas. É o que eu penso.

Bill: Eu não sei. Eu acho que é bem difícil achar alguém que você ama por dentro e por fora, sua alma gêmea, e alguém com quem você queira passar o resto da sua vida. Eu acho que você tem que ser, você tem que ser bem pesado porque há bilhões de pessoas lá fora e eu sinto que, para achar esta pessoa, é super difícil. E eu acho que você tem que ser sortudo. Eu sinto que as pessoas pensam que eles possam achar a pessoa certa, e então eles pensam que estão apaixonados, até eles realmente encontrarem seu amor. Então, eu sinto que você não é [assim].

Tom: Eu sinto que pode acontecer com você várias vezes. Tantas pessoas estão num relacionamento sério e estão realmente apaixonados…

Bill: Mas estou dizendo que você é uma pessoa.

Tom: Sim, eu não sei. É apenas um cenário de sonho…

Bill: Eu não acho que é um cenário de sonho, ele existe. Eu sinto como se existisse. Eu acredito nisto.

Tom: Bem, não. Claro que é possível achar a pessoa que você ama e que pode passar o resto de sua vida com ela, mas você nunca sabe.

JJ: Vocês sabem qual vai ser seu próximo single?

Bill: Sim, na Europa vai ser “Feel It All”, e na América, ainda não decidimos, porque nós ainda estamos trabalhando com “Love Who Loves You Back.” Mas na Europa e no resto do mundo, vai ser “Feel It All”.

JJ: Fora da música, vocês atuariam? Vocês já foram tiveram ofertas de algum projeto de atuação?

Bill: Sim, na verdade Tom e eu recebemos uma oferta de filme um tempo atrás. Mas então a indústria de filmes estava tão devagar.Tom: Eu achava que música estava devagar, mas filmes, isto é loucura. Não, mas nós recebemos uma oferta pra um filme…Bill: Pra atuarmos irmãos.Tom: Pra atuarmos irmãos. E eu gostei do conceito.Bill: Nós ainda estamos tentando fazer isto dar certo.Tom: É simplesmente tão estranho porque eu odeio quando músicos tentam atuar, e quando atores tentam fazer música. Muitas vezes é apenas estúpido.Bill: Mas nós queremos tentar isto. (ambos riem)

Tom: Mas talvez nós possamos fazer uma exceção. Talvez seja bom fazermos isto. Eu não sei. Eu ainda não tenho certeza sobre isto. Nós já tivemos muitas sessões testes.

Bill: É, nós tivemos isto um tempo atrás.Tom: Aquilo foi estranho.

Bill: Eles disseram que eu sou um talento natural. (risos)

JJ: Tem algum seriado de televisão americano em que vocês gostariam de ser estrelas convidados?

Bill: Breaking Bad, mas este não passa mais. House of Cards!

Tom: House of Cards seria demais.

Bill: Eu amo House of Cards. Eu faria de tudo para estar neste show. Eu amo este show.

JJ: Vocês obviamente gostam muito de moda. Tem algum designer novo na área que vocês têm usado?

Bill: Não novo. Eu adoro Givenchy.Eu amo tudo o que eles fazem. Eu acho que é tudo demais.

Tom: Nós realmente gostamos de KTZ.

Bill: Eu realmente gosto de KTZ, sim eles estão meio que grandes agora. Sim, um dos meus favoritos no momento.

JJ: Qual é o seu lugar favorito pra fazer compras em LA?

Bill: Todas as lojas na Fairfax agora. São todas as lojas novas que eu gosto.

Tom: Church é daora.

Bill: Eu gosto de Church. Eu gosto da Oak. Eu gosto de todas essas lojas pequenas. E daí, claro, eu sempre amei Barney’s.

Tom: Barney’s, sim! Eu amo Barney’s. (ambos riem)

JJ: Vocês algum dia começariam sua própria linha de roupas?

Bill: Oh sim! É o meu sonho. Eu quero tanto fazer isso. Desde quando, tipo, eu comecei quando eu era super novo também, como fazer minhas próprias camisetas e afins. Por causa que eu não tinha dinheiro, então eu simplesmente comprava coisas baratas e então fazia tipo uma peça nova com aquilo. Minha mãe também curtia isto, então ela meio que sempre me ajudou. E eu comecei a fazer rascunhos quando era novo, foi sempre o meu sonho fazer isto. Eu tenho, eu já tenho tudo pronto. Eu tenho um conceito e quase tipo uma primeira coleção. Eu apenas estou meio que esperando para o momento certo. Eu acho que quando eu fizer isto, eu quero fazer direito, e não ser uma celebridade que apenas põe seu nome em alguma coisa. Eu quero fazer a coisa pra valer.

Tom: Você pode fazer isto quando eu fizer meu projeto de DJ.

JJ: Que tipo de estética você acha que a linha de roupas teria?

Bill: Eu gosto de todas as coisas antigas. Tipo, barroco, combinado com moderno, novos tecidos e estilos.

JJ: Que músicas vocês estão cantando no chuveiro?

Tom: Acredite ou não, eu não canto de jeito nenhum. Eu não canto de jeito nenhum.

Bill: É difícil pra eu acreditar nisto. Você canta comigo no carro algumas vezes, quando eu canto.

Tom: Sim porque, quando ele canta…

Bill: Mas ele sempre canta apenas quando eu estou cantando.

Tom: Sim. E o engraçado é que eu realmente consigo acertar as notas certas quando canto com o Bill. Se eu cantar sozinho, soa horrível. Porque eu nunca canto, eu acho que eu tenho uma baita de uma voz, (Bill ri), mas não estou praticando apenas.

JJ: Você tem uma boa voz cantada, tudo parece perfeito em você…

Tom: Eu apenas sou um humano perfeito. (risos)

JJ: Vocês têm alguma paixonite por celebridades?

Bill: Okay, tem uma, que todo mundo acha que é estranho, mas eu amo muito a Kate Winslet. Ela é meio velha pra mim, mas tem algo sobre ela, que eu a acho sexy. E ela é uma ótima atriz.

Tom: E daí tem a Rachel McAdams.

Bill: Rachel McAdams. Rachel McAdams sempre vai ser minha favorita.

Tom: Ela é demais.

JJ: Qual é sua descendência etnica?

Bill: Hm, nós não temos uma. (risos)

Tom: Nós na verdade não sabemos.

Bill: Eu não faço a menor ideia na verdade!

Tom: Eu gostaria de descobrir.

Bill: Eu gostaria de saber porque as pessoas sempre nos dizem, que tem que haver algo. Algo tem que estar aí dentro.

Tom: Eu acho que o Bill parece um pouco Turco.

Bill: Mas eu não acho isso! Muitas pessoas dizem isto ás vezes, mas eu não penso assim. Eu não sei. Eu apenas sei que, como a família toda é alemã, então não sei. Mas talvez muito pra trás em algum lugar tenha algo, eu não faço ideia.

JJ: Vocês têm alguns livros favoritos? Ou livros que estão lendo no momento?

Tom: Não.

Bill: Eu nunca tive um livro favorito.

Tom: Eu sempre quero me convencer a ler. Tenho tantos livros porque as pessoas vivem me dando tantos livros, tipo, “Oh você tem que ler isto.” E eu não tenho tempo pra isto. Tipo, quando eu tenho um minuto livre, eu sempre vou para o estúdio. Eu desejo, eu sempre quero ler algo bom, mas não consigo me convencer.

Bill: Eu gosto de “Kill Your Friends”, eu gosto muito, mas eu não consideraria meu favorito. Mas eu não diria que é o meu livro favorito, eu apenas diria que é um bom livro.

Tom: É um ótimo livro.

JJ: Vocês escreveriam seu próprio livro?

Bill: Sim! Quero dizer, nós iremos fazer isto este ano. Então talvez será nosso livro favorito. Vai ser uma biografia, como os nossos primeiros 25 anos. Nós vamos escrever isto juntos. Eu espero que tenhamos tempo pra isto, porque nós realmente queremos escrever isto.

Tom: Nós obviamente queremos criá-lo.

JJ: Vocês acham que vocês teriam suas vozes próprias individuais no livro ou vocês escreveriam juntos pra criar uma única voz? 

Tom: Eu acho que individual.

Bill: Sim, individual. Eu acho que há algumas histórias que você conta melhor que eu, e vice-versa.

JJ: Parte um de sua turnê mundial, o qua as pessoas podem esperar?

Bill: Então, isto será bem diferente de qualquer coisa que tenhamos feito até hoje. Vai ser tipo super pequeno, especial, baladas ou clubes, tipo “clube de vida”. Mas ás vezes nós tocaremos em tipo uma igreja, então é ou num local especial ou num clube lendário. E nós na verdade queremos fazer, não como um show ao vivo normal. Nós queremos tentar tornar isto numa balada. Nós queremos levar nossos fãs pra uma festa. Então eu acho que vai ser demais.

Tom: Nós estávamos no meio de preparar tudo agora mesmo. Vai ter um show de luzes maluco.

Bill: Vai ser um bom show de luzes, e vai ser pequeno, apenas pra até tipo 2000 pessoas, eu acho. E então nós vamos continuar, tipo no fim do ano, nós faremos os shows em arenas, os shows maiores. Mas nós iremos começar com isso, é excitante. Nós anunciamos as quinze datas, eu acho? E depois nós iremos apenas continuar.

Tom: Vai ser algo bem íntimo, e super quente. É tipo pequenos lugares, e pessoas suando.

JJ: Vocês fazem seus próprios estilos, ou vocês trabalham com figurinistas? Como que o look fica pronto para todos os seus shows?

Bill: Eu sempre tento trabalhar com alguém na turnê. Para as duas últimas, eu trabalhei com Dan e Dean da DSquared. E nós fizemos os figurinos juntos, e ficou demais. Eu amo trabalhar com eles, eles são muito divertidos. Então eu sempre gosto de trabalhar com alguém pra turnê. Desta vez, eu, parece que vamos trabalhar com Marco Marco. Ele fará os figurinos. Acabei de ter minha primeira reunião, então ainda está muito fresco, mas eu acho que nós iremos trabalhar juntos.

JJ: Vocês têm algum ritual antes de entrar no palco?

Bill: Sim, nós ativamos (juntos) Power Ranger power. (risos) É uma coisa estúpida, nós todos ficamos juntos e ativamos nossos poderes. É super grudento mas nós fazemos isto toda vez.

[Nota do editor: nós perguntamos ao Bill e ao Tom as questões abaixo em momentos separados, para que um não pudesse ouvir a resposta do outro.]

JJ: Rápido: Baunilha ou chocolate?

Bill: Baunilha.

Tom: Baunilha.

JJ: Abraços ou beijos?

Bill: Beijos.

Tom: Abraços.

JJ: Prata ou ouro?

Bill: Ouro.

Tom: Ouro.

JJ: Luzes acesas ou apagadas?

Bill: Luzes apagadas.

Tom: Apagadas.

JJ: Verdade ou desafio?

Bill: Hm, verdade.

Tom: Verdade.

JJ: Cabelo facial ou barbeado?

Bill: Cabelo facial.

Tom: Cabelo facial.

JJ: Amanhecer ou pôr-do-sol?

Bill: Pôr-do-sol.

Tom: Amanhecer.

JJ: Chuveiro ou banheira?

Bill: Chuveiro.

Tom: Chuveiro.

JJ: Boxers ou cuecas?

Bill: Boxers.

Tom: Cuecas.

JJ: Jay Z ou Kanye?

Bill: Jay Z.

Tom: Jay Z.

JJ: Tattoos ou piercings?

Bill: Tattoos.

Tom: Tattoos.

JJ: Los Angeles ou Hamburg?

Bill: Los Angeles.

Tom: Los Angeles.

JJ: Karl Lagerfeld ou Hedi Slimane?

Bill: Oh my god. Estas perguntas são difíceis. Hedi Slimane.

Tom: Uhh… É difícil. Karl Lagerfeld.

Créditos de Moda –

Fotos 1 e 7 (Bill): Jaqueta Versus, camiseta Dsquared2

Fotos 2, 3, e 4 (Tom): ternos Marc by Marc Jacobs, camisetas H&M

Fotos 2, 3, e 4 (Bill): terno Marc by Marc Jacobs, camiseta Oak

Fotos 5 e 6 (Tom): jaqueta Dsquared2, camiseta H&M

Produtor/Entrevistador: Jared Eng (@JaredEng)
Fotógrafo: Justin Campbell (@justincampbellphotography)
Estilista: Monty Jackson (@MrMontyJackson)
Aliciamento: Paul Blanch (@paulyblanch)

02-tokio-hotel-just-jared-portrait-session

Veja todas as fotos em HD AQUI

Fonte: JustJared.com

Tradução: Conexão Tokio Hotel Brasil

Conecte-se com sua rede social para deixar seu comentário